168 anos de Alagoinhas – mais uma grande entrega: Escola Municipal Miguel Santos Fontes

Foto: Roberto Fonseca

Importantes inaugurações estão sendo feitas pela Prefeitura de Alagoinhas na semana de aniversário da cidade, que acontece no dia 02 de julho, quando será entregue a maior obra de macrodrenagem da história do município. Na manhã desta terça-feira (29), uma demanda histórica da comunidade de Boa União foi atendida: a reforma completa da Escola Municipal Miguel Santos Fontes, construída entre 1978 e 1980, na gestão do então prefeito (in memoriam), que dá nome à unidade escolar.

“A mudança foi radical!”, afirmou o presidente da Associação Quilombola de Cangula e ex-aluno da escola, Orlando Pereira Filho. Ele confessou ter chorado de emoção ao ver o resultado da reforma, que promoveu a substituição de esquadrias, pintura total, instalação de  forro e cobertura, troca completa do telhado e das instalações elétricas e hidráulicas. Além disso, as salas estão mais arejadas, iluminadas e, agora, contam com ventiladores. No total, foram investidos R$ 195 mil, com recursos próprios.

“Daqui de Boa União saíram, e saem, grandes homens que passaram por essa escola”, destacou o prefeito Joaquim Neto, que relembrou a participação de sua mãe – professora Emília Chagas – no secretariado do ex- gestor Miguel Fontes. O líder do executivo ressaltou sua preocupação com a Educação de qualidade e disse que, para além das reformas estruturais, os professores do município estão constantemente participando de formações que visam alavancar os índices de ensino e aprendizagem, no prestigiado programa Educar para Valer.

Joaquim Neto  sinalizou os investimentos na área de tecnologia e informática  e  assumiu o compromisso com a restauração da Escola Dom Avelar, também localizada em Boa União. Sobre o retorno às aulas presenciais, o prefeito disse que a previsão  é que ocorra em meados de setembro, após finalização da segunda dose da vacina contra a Covid-19 em todos os profissionais de Educação do município.

O Secretário de Educação Gustavo Carmo fez questão de mencionar a importância do engajamento de toda a equipe para que as ações da Secretaria da Educação (SEDUC) obtenham  êxito. “A Secretaria da Educação é uma engrenagem grande e complexa, uma locomotiva.  Tenho em Kate meu braço esquerdo e direito. Buscamos  sempre uma gestão participativa!”. Ele informou sobre os encontros periódicos com os gestores, com pauta aberta, onde decisões coletivas são tomadas. “Essa dinâmica da Educação me encanta, por isso agradeço a confiança”, disse, dirigindo-se ao prefeito.

Dentre outras autoridades presentes, estiveram na inauguração os vereadores Professor Arão, Márcio da Cavada e o presidente da Câmara Municipal de Vereadores,  José Cleto dos Santos Filho. Ex-estudante da Miguel Fontes, Cleto parabenizou o gestor municipal pela revitalização da escola, reiterando a importância que o equipamento tem para a comunidade. “Para mim é uma alegria ver o poder público fazer esse investimento, pois, sem sombra de dúvidas, irá refletir na aprendizagem do alunado”.

Foto: Roberto Fonseca

Maria Cristina, representante dos alunos e moradora da comunidade de  Cangula, relembrou as dificuldades enfrentadas, sobretudo no período de chuvas e agradeceu a gestão pela entrega. “ Foi uma luta bem grande para conseguirmos esse objetivo, precisamos comemorar!”.

A diretora da unidade escolar, Elionara Frias, manifestou “profunda felicidade em ver o Miguel reformado. Foram muitos os desafios para que, hoje, possamos usufruir de um ambiente digno e proporcionar uma formação cidadã para os moradores de Boa União, para que todos tenham autonomia e mais qualidade de vida”.

A Escola Municipal Miguel Santos Fontes  conta com 10 turmas do 6° ao 9° ano , além do ensino noturno, com elevação da escolaridade, e duas turmas  para a Educação de Jovens e Adultos (EJA). Atualmente,  estão matriculados 270 estudantes na unidade escolar.

Foto: Roberto Fonseca

 

Fonte: SECOM/Alagoinhas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here