Avós e netos

A chegada de um novo integrante à familia, representa uma alteração na dinamica de toda a familia. Os avós não são exceção e adaptar-se à nova condição nem sempre é simples.

Muitos conflitos podem surgir como conseqüência do nascimento de um neto que, além de trazer alegria, solicita muita atenção da família. Todos nos queremos  sentir que pertencemos a algum lugar, sermos bem tratados e receber a atenção que merecemos. Por isso, tanto os avós como os pais, tios e irmãos devem saber se adaptar à chegada de um novo membro na família.

Os avós percebem que sua posição na família diminui na medida em que esta se amplia. Por mais felizes que se sintam com a chegada dos netos, também é certo que os momentos com os filhos escasseiam mais quando eles próprios se tornam pais. Ou não?

Talvez ao se sentirem imbuídos de tal responsabilidade, os filhos se aproximem mais dos seus pais e procurem compartir com eles as dificuldades para conduzir sua própria família. Dificilmente isso ocorre de forma tranqüila. O jogo de poder, que já existe entre o casal, se amplia para o casal e suas famílias.

Os avós relutam em compreender que já não estão mais com a responsabilidade de condução das coisas. Nem dos próprios filhos, menos ainda dos netos. Sobretudo quando são chamados a participar financeiramente e pessoalmente. Mas são eles que, ao final, terão que ter o bom senso, adquirido com a própria experiência, para poder lidar com a situação, usufruindo da convivência com os filhos e, principalmente, com os netos, fonte de renovação da vida.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here