Caminho das Árvores tem redução do preço do metro quadrado

Espatódeas, Framboesas, Eucaliptos e Umbuzeiros, mais de 40 anos após a sua fundação, os nomes que batizam as alamedas do Caminho das Árvores ainda remetem ao tempo pré-selva de pedra do bairro. Só que mesmo após a rápida verticalização, o local segue sendo um dos mais cobiçados da cidade, aliando ótima localização à tranquilidade para quem mora e trabalha na região.

Morador do bairro desde a infância, o instrutor de artes marciais Luiz Augusto Guedes explica que apesar de parte da tranquilidade ter sido perdida com a expansão comercial, a moradia ali ainda compensa.”Estamos cercados por shoppings e outros bairros que nos oferecem todo tipo de serviço”, diz. “O que incomoda é o bairro ter perdido um pouco a calma com o crescimento do comércio”, completa.

Historicamente projetado como bairro residencial, o Caminho das Árvores teve o seu crescimento atrelado ao vetor de desenvolvimento imobiliário impulsionado pela inauguração do antigo Shopping Iguatemi, na década de 1970. Com a mudança do eixo econômico do Centro para a Avenida Tancredo Neves, o bairro acabou passando por um processo de transformação que mudou as antigas vias residenciais para ruas comerciais, a exemplo da Alameda das Espatódeas, que se tornou o maior polo de decoração da Bahia.

Hoje o bairro possui uma gama diversificada de comércio e serviços, supermercados, farmácias, escolas, casas de eventos, restaurantes, faculdades e um grande número de edifícios empresariais. O padrão do bairro, segundo Luiz, eleva o custo de vida, mas, para quem ora ali, é difícil querer se mudar.

Preço
O preço a se pagar, segundo o corretor imobiliário Orlando Dias, que atua no mercado da região há seis anos, é o valor da comodidade. Mas mesmo com todos os atrativos, o Caminho das Árvores sofreu com a crise e o preço do m² caiu. “O m² de um imóvel que ano passado custava R$ 6,7 mil caiu para R$ 5,2 mil este ano”, diz. “No caso dos imóveis comerciais a queda foi ainda mais forte, prédios inteiros foram desocupados. Mas foi um cenário bom para muita gente que encontrou boas ofertas”, observa.
Mesmo com a desvalorização, Orlando acredita que o local dificilmente perderá a majestade e seguirá firme como uma das preferência de moradia dos soteropolitanos. “O mercado voltou a aquecer e o charme do bairro se soma à praticidade de estar perto de tudo o que importa na cidade”, garante.

No momento, três empreendimentos recém-entregues ainda posseum disponibilidade de apartamentos, confira:

Mondial Salvador
O Mondial Salvador é um empreendimento de duas torres dividas em apartamentos, salas empresariais e dormitórios, com serviço de apart hotel. Além da estrutura de lazer completa para a parte residencial, o Mondial, ainda conta com arrumação básica dos apartamentos a cada 5 dias, estacionamento com manobrista, Serviços de recados telefônicos e despertador prestado pela recepção, internet Grátis (velocidade limitada) no apartamento e um ponto de TV por assinatura.

Residencial Palácio das Artes
O Palácio das Artes tem unidades com duas opções de planta, ambas de 3/4 com diferença em dimensão, 87m² ou 102m² de área privativa. A infraestrutura de lazer com com 10 itens em área comum, entre eles salão de fetas, brinquedoteca, quiosque, sauna, duas opções de piscina, quadra de esportes, salão de ginástica, são de jogos e espaço gourmet. O empreendimento construtora Santa Emínlia, dica em uma rua próxima à Alameda da Espatódeas.

Salvador Prime
Localizado em Próximo à Avenida Tancredo Neves e lado do Salvador Shopping, o Salvador Prime possui três torres residenciais: Class (1 suíte e 52,25m²), Privilege (1 suíte e 51,3m²) e Elegance (2 suítes e 72,55m²). A Área de lazer possui 50 itens que incluem cinco piscinas, dois salões de jogos, três academias, salão de festas com boate, espaço pilates, nove espaços gourmet, três spa, um campo de mini golfe, uma quadra de squash e um espaço mulher. O empreendimento também conta com uma torre comercial.

fonte: Correio24horas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here