Campanha salarial. Manifestação dos grevistas no CAM.

Acompanhamos hoje (!8), a manifestação na entrada do Centro Administrativo de Alagoinhas, cujos portões foram fechados desde as primeiras horas da manhã impedindo o acesso de servidores e de outras pessoas que ali vieram tratar de assuntos do seu interesse.

Aguardando a saída da comissão de negociação, composta pelos representantes dos sindicatos envolvidos na greve e pelo vereador Luciano Sergio, ouvimos discursos veementes e, algumas vezes equivocados, quando comparam, por exemplo, um possível investimento do governo no time alagoinhense, segundo eles no valor de R$ 170.000,00, com o impacto na folha de pagamento, em decorrência do aumento pretendido e, mais preocupante ainda, no limite  de gastos com pessoal determinado pela Lei de Responsabilidade Fiscal, este, sim, o grande problema, segundo membros do governo.

Ao sair, a presidente do SINPA, Sandra Margareth, informou aos grevistas que havia sido negociada a liberação do acesso ao CAM, vez que havia uma licitação marcada para 9h, e a necessidade de conclusão da folha de pagamento, já com a inclusão do desconto do Plano de Saúde, que passa a vigorar a partir de 1º de maio. Em troca, o Procurador Geral do Município, James Juliano, garantiu que teria amanhã uma nova proposta para os servidores, que será analisada ainda hoje pelo Secretário da Fazenda, Daniel Grave e pelo Prefeito Joaquim Neto.

A greve continua.

Nadia Freire
Foto: Edinaldo Lima

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here