17 outubro 2019

MPF pede absolvição de Lula e Dilma em suposto “quadrilhão” do PT

Procuradora Marcia Brandão Zollinger contradiz o ex-PGR Rodrigo Janot, que acusou Lula e Dilma de participação em desvios de R$ 1,48 bilhão e pediu...

Promulgado Acordo de Previdência Social entre Brasil e Suíça

Decreto 10038/2019. ACORDOS INTERNACIONAIS – Suíça Promulgado Acordo de Previdência Social entre Brasil e Suíça Este Decreto promulga o Acordo entre o Governo da República Federativa do...

Após 2 anos de impasse, STF reavaliará prisão em segunda instância sob sombra de...

O presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), ministro Dias Toffoli, marcou para a próxima quinta-feira, 17, o julgamento das ações que discutem a constitucionalidade...

TCM multa ex-prefeito de Alagoinhas por contrato irregular

O Tribunal de Contas dos Municípios, na sessão desta terça-feira (15/10), julgou parcialmente procedente relatório de auditoria que apontou irregularidades na contratação da empresa...

Supostas candidatas laranjas do PSL em Pernambuco receberam R$ 778 mil do partido e...

Pela regras em vigor, 30% do fundo eleitoral teria que ser empregado em campanhas femininas.

Luciano Bivar, é alvo de buscas da PF sobre candidaturas laranjas

A crise entre a ala bolsonarista e o grupo ligado ao comando da sigla ganhou contornos quando  Bolsonaro, seu filho e senador Flávio e mais 20 deputados assinaram um documento pedindo a Bivar que  abra todas as contas partidárias dos últimos cinco anos  . A jogada foi orientação de Karina e Admar Gonzaga, ex-ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Deltan orientou Lava Jato a ‘queimar’ ministros do STF após receber dica de jornalista...

O receio da força-tarefa era que a relatoria fosse para as mãos de Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski ou Dias Toffoli.

Líder do PSL quer transparência de gastos de Bolsonaro e ministros

O grupo de Bivar dentro do PSL quer pedir uma auditoria das contas da campanha presidencial de Bolsonaro em 2018.

Gilmar Mendes quer retomar julgamento que envolve Moro

Os ministros Edson Fachin e Cármen Lúcia já votaram contra o pedido do ex-presidente.

Aumenta número de militares no governo

Segundo o levantamento, hoje há 63 milhões de brasileiros com dívidas em atraso. “Procura por crédito tem maior crescimento em 9 anos”, destaca o título principal do Estadão.