Em seu quarto dia, “O Curioso Mundo da Água” recebe centenas de alunos da rede municipal e privada de ensino

0
89

Um dia para ficar na História e na lembrança de todos os presentes, assim pode ser resumida esta quinta-feira (8) na Biblioteca Municipal Maria Feijó, onde centenas de alunos — da rede municipal e da rede privada de Alagoinhas — participaram da exposição interativa “O Curioso Mundo da Água”, organizada pelo SAAE em celebração aos seus 54 anos, completados no último sábado (3).

Para todo canto que se olhava lá estava o brilho nos olhos, o sorriso nos rostos e a exclamação de surpresa e de alegria dos pequenos guardiões da água, crianças que, através de uma imersão no mundo do líquido mais importante do Planeta, vivenciaram uma experiência inédita capaz de despertar os mais variados sentimentos.

“Eu quase choro, meus olhos ficaram ardendo, porque foi muito emocionante”, revelou o aluno do 3º ano do Colégio Santíssimo Sacramento Davi Barreto, de oito anos, sobre a videoprojeção de diversas cenas de água: desde a gotinha até a chuva caindo forte, das ondas do mar até as cascatas da cachoeira, do pinguinho até o tamborilar, do rumorejar até as trovoadas — uma infinidade de imagens e sons que juntos compõem o admirável teatro e a melódica sinfonia da vida.

Lorene Chaves, professora do 3º ano B do Colégio Santíssimo Sacramento, frisou a relevância da iniciativa de trabalhar o tema da água fazendo uso de técnicas lúdicas, não só da projeção do vídeo, como também por meio da mostra fotográfica, da exposição de equipamentos, da apresentação de maquete, de brincadeiras e de oficinas. “Sair do colégio para conhecer um trabalho desse foi de grande importância, e a gente viu em cada semblante, cada rostinho, o prazer de conhecer algo diferente, foi sensacional”, afirmou.

Assim como a maioria dos visitantes, Vitor Gabriel, de 11 anos, esteve pela primeira vez em uma exposição. Extasiado, definiu como se sentia em uma palavra: “Feliz”, revelou o aluno do 5º ano da Escola Municipal Erico Veríssimo, com um sorriso que era mesmo pura felicidade.

“Eles vão aprender através da prática tudo o que viram como teoria na escola”, disse Evani de Lima, professora da Escola Erico Veríssimo. “Sem dizer que sair da escola é como um estudo de campo, então para a aprendizagem deles está sendo algo diferente e maravilhoso”, concluiu.

Para Juliana Silva, coordenadora pedagógica da Educação Infantil do Colégio Santo Graal, a iniciativa do SAAE foi muito boa, “porque as crianças têm uma percepção melhor, aprendem mais visualizando e, consequentemente, conversam em casa com a família, falam sobre a aprendizagem”.

Daniela de Araújo, coordenadora pedagógica da Escola Municipal Alagoinhas IV, corrobora com sua colega educadora. “Avalio esse trabalho de maneira muito positiva, até porque a gente vai contextualizar um assunto que a gente já trabalha na nossa escola, então a gente sai da teoria e vem aplicar na prática”, explicou.

Desse modo, mesmo depois de encerrada a exposição irá continuar reverberando em cada um dos participantes, eles próprios agentes multiplicadores do conhecimento adquirido.

Animados, entre uma pintura e outra, Levi Souza, Davi de Araújo e Marluze Souza, todos alunos da Escola Municipal Alagoinhas IV, concordaram que o momento valeu muito a pena, e definiram a ocasião como muito legal sobretudo por terem aprendido coisas novas.

Maria dos Santos, professora do 4º ano do CETASS Kids, destacou a organização e metodologia escolhida pelo SAAE. “É uma ação muito interessante, os espaços foram bem planejados, bem dinâmico”, destacou.

Os alunos da APAE também conheceram O Curioso Mundo da Água. Claudio Conceição, de 16 anos, foi um deles e curtiu cada minuto. “Eu estou achando bom, gostei da parte da água”, disse, fazendo alusão ao vídeo transmitido no escuro da sala Mergulho “Agora estou brincando com os colegas”, avisou.

O prefeito de Alagoinhas, Joaquim Neto, também marcou presença no evento, que qualificou como muito importante, por desde cedo despertar nas crianças o entendimento sobre a água. “Eu vi as crianças todas entusiasmadas vibrando com a apresentação do vídeo que sem uma palavra, só com o som da água e as imagens fala por si só e interfere no despertar das crianças em relação à água”, disse.

O secretário de educação do Município, Jean Afonso, discorreu sobre o impacto da exposição no âmbito educacional. “É muito importante este trabalho de conscientização das nossas crianças e adolescentes em relação ao cuidado com a água, o não desperdício, então o SAAE está de parabéns por uma ação como essa”, falou.

Devido ao sucesso de público e à grande procura de escolas, o encerramento da exposição, a princípio estabelecido para esta quinta-feira (08), foi prorrogado e ocorrerá na manhã de sexta-feira (9), com a visitação das instituições agendadas.

 

Fonte: ASCOM – Serviço Autônomo de Água e Esgoto – SAAE Alagoinhas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here