Especialista em segurança de grandes eventos dá dicas para brincar o carnaval com saúde e segurança

Os foliões devem ficar bem atentos para não se descuidar da própria saúde nem se tornar alvos dos criminosos que costumam aproveitar a multidão para cometer crimes.

Salvador, 17 de fevereiro de 2020 – O clima de carnaval já está no ar! Os blocos estão nas ruas, as festas animam os camarotes. É hora de pular e sorrir, mas os foliões devem ficar bem atentos para não se descuidar da própria saúde nem se tornar alvos dos criminosos que costumam aproveitar a multidão para cometer crimes. O coronel da reserva da PMBA, professor e coordenador do curso de Direito da Estácio, docente da Academia de Polícia Militar e especialista em segurança de grandes eventos, Antônio Jorge Ferreira Melo, mostra que precaução nunca é demais e existem alguns cuidados muito simples que não estragam sua festa e ainda impedem que a sua Quarta-feira de Cinzas seja uma grande dor de cabeça.

Por falar em dor de cabeça, cuidado com a ressaca! Bebidas alcoólicas fazem parte do carnaval e você muito provavelmente já sabe que beber demais faz mal à saúde e afeta sua segurança. O excesso de bebidas alcoólicas nos faz cometer descuidos que normalmente não aconteceriam. Mesmo assim a coisa mais normal do mundo é esquecer disso e aproveitar os dias de folia para exagerar no álcool.

A ingestão de energéticos também merece atenção e cuidado, já que em excesso eles podem atrapalhar o sono. Fora a combinação com o álcool, que é muito perigosa e pode causar arritmias e palpitações, além de convulsões e até morte súbita. Ou seja, é bom evitar e sbeber, não dirija.

Se estiver em grupo, não se esqueça de marcar um ponto de encontro para o caso de alguém se perder, principalmente se forem turistas. Escolham um lugar de fácil acesso e visibilidade, como um restaurante ou posto de combustível.

Não poderíamos falar de cuidados no carnaval sem mencionar as relações sexuais. Nunca é demais lembrar: sexo sem o uso de preservativo pode ser o pivô para uma infecção sexualmente transmissível (IST) ou até mesmo para uma gravidez indesejada. Então é bom sempre andar com uma cartela de camisinhas no bolso. A camisinha ainda é o método de prevenção mais eficaz contra infecções.

O Carnaval é o momento para relaxar e aproveitar todas as maravilhas e excessos proporcionados pela maior festa de rua do planeta. Mas, os foliões devem ficar bem atentos, não só a batida contagiante e as coreografias, para não se tornar alvos dos criminosos que costumam aproveitar a multidão para cometerem crimes. Assim, algumas medidas de segurança como não levar a carteira, sair com Xérox de RG, uma identidade antiga ou CNH vencida e dinheiro separado em todas as partes do corpo e quando levar o celular para a avenida procure não ficar de vacilo fazendo selfs.

Resultado de imagem para Especialista em segurança de grandes eventos dá dicas para brincar o carnaval com saúde e segurança

Ao perceber algum início de tumulto, afaste-se do local sem correria. Evite brigas e hostilidades. Procure se colocar perto de uma patrulha da PM, facilmente identificada nos focos de folia e transitar por ruas movimentadas e bem iluminadas. Se notar alguma movimentação fora da normalidade, procure imediatamente os policiais mais próximos ou ligue para o 190. Diante de uma situação de perigo, o importante é manter a calma e não reagir. Lembre-se: sua vida é o bem mais precioso.

 

Por: Assessoria de imprensa – Bahia

Qualidade.com Mkt e Comunicação

Renato Barbosa Filho – antunesrbf@gmail.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here