Gravação entre dono da Qualicorp e irmão de Palocci pode anular acordo com a PF do ex-ministro

Em áudio, o médico Pedro Antônio disse a José Seripieri Junior, fundador da Qualicorp, que o empresário seria citado pelo ex-ministro Antonio Palocci em delação. Mas, como a ideia era “encaixar” Seripieri numa tese já formulada por investigadores, o irmão do ex-ministro afirmou que era preciso “inventar” relatos ou seguir a mesma linha do que promotores queriam

Um fato novo relacionado à delação do ex-ministro Antonio Palocci tem potencial para provocar a anulação do acordo e até levar o ex-integrante de governos petistas de volta à prisão.

Fundador da Qualicorp, administradora de planos de saúde coletivos, José Seripieri Junior fez uma gravação de uma conversa com o médico Pedro Antônio Palocci, irmão do ex-ministro. No áudio, entregue à Procuradoria-Geral da República, Pedro Antônio disse a Junior que o empresário seria citado por Palocci na delação. Mas, como a ideia era “encaixar” Seripieri numa tese já formulada por investigadores, o irmão do ex-ministro afirmou que era preciso “inventar” relatos ou “confirmar na outra ponta” uma história dada como pronta pelas autoridades.

Pedro Antonio ofereceu ao empresário a ajuda de um advogado que teria colhido as informações sobre a delação de Palocci e seria um dos advogados do ex-ministro, de acordo com uma reportagem da revista Veja.

Violar o sigilo de uma colaboração premiada em andamento pode anular a delação. Neste caso, o ex-ministro corre risco de voltar à cadeia se for confirmada a irregularidade.

Via – Brasil247

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here