Hospital Espanhol será reaberto nesta quarta-feira para pacientes com coronavírus

O antigo Hospital Espanhol, na Barra, será reaberto nesta quarta-feira, 22, para acolher, exclusivamente, pacientes que tenham sintomas graves da Covid-19. Na manhã desta terça, 21, o governador Rui Costa fez uma última vistoria no local e percorreu toda a estrutura, inclusive os 220 leitos instalados, sendo 140 de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 80 leitos clínicos.

“Amanhã [dia 22] começa a funcionar o Hospital Espanhol, com 220 leitos para atender a população. Esperamos o mais rápido possível passar por esse momento difícil que a Bahia e o mundo atravessam. Será com a colaboração de todos que iremos ultrapassar esse momento rapidamente”, disse Rui.

O governador contou ainda que, nos próximos dias, entrará em em funcionamento do hospital de campanha montado na Arena Fonte Nova, onde serão oferecidos mais 100 leitos de UTI e 140 leitos clínicos. “Já temos os hospitais Couto Maia, Ernesto Simões e Subúrbio. No interior do estado também temos outros hospitais contratados. Em todas as regiões do estado, nós temos centros de atendimento e esperamos não precisar utilizá-los”, relatou.

Reitor da Basílica do Senhor do Bonfim, o padre Edson Menezes acompanhou a visita ao Hospital Espanhol e abençoou a unidade de saúde. O padre lembrou a importância da fé neste momento difícil. “É claro que precisamos do apoio da ciência, da dedicação dos governantes, mas, sobretudo, da misericórdia de Deus. A benção dada a este local é um sinal da nossa fé e da confiança naquele que é o todo poderoso”, pontuou.

A primeira-dama e presidente das Voluntárias Sociais da Bahia (VSBA), Aline Peixoto, e o secretário estadual da Saúde, Fábio Vilas-Boas, também estiveram na vistoria. “A reabertura do Espanhol era muito esperada pela sociedade e vem num momento extremamente importante para a saúde pública como um dos principais equipamentos de combate ao novo coronavírus na Bahia”, disse Vilas-Boas.

Hospitais de campanha – Os profissionais médicos e de apoio logístico que irão atuar no Espanhol – que também possui salas de cirurgia, emergência e refeitório – já foram contratados. O hospital foi cedido pela Justiça Federal para o governo baiano em março, e as obras de adequação foram imediatamente iniciadas.

Além do Espanhol e do Fazendão, que já está em funcionamento, o Estado está montando hospitais de campanha no Hospital Santa Clara, no Hotel Riverside e na Arena Fonte Nova, totalizando 673 novos leitos na Região Metropolitana de Salvador (RMS) para enfrentar a pandemia do novo coronavírus.

 

Fonte: Jornal A Tarde

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here