Lula absolvido em ação da Operação Zelotes que investiga incentivos fiscais do setor automotivo

O juiz Frederico Viana, da 10a Vara Federal Criminal da Justiça de Brasília, absolveu Lula, o ex-ministro Gilberto Carvalho e todos acusados uma das ações da Operação Zelotes que apurava a edição de uma Medida Provisória relativa a incentivos fiscais do setor automotivo. Neste caso, o ex-presidente foi acusado de receber vantagens indevidas por meio do lobista Mauro Marcondes por prorrogar a Medida Provisória 471, que tratava do tema.

O juiz atendeu o pedido do Ministério Público Federal, que, nas alegações finais apresentadas, concluiu que não há provas e pediu a absolvição do ex-presidente e dos demais acusados na investigação. O processo foi iniciado em 2017.

“Ante o exposto, julgo IMPROCEDENTES os pedidos formulados na peça acusatória e ABSOLVO os acusados dos crimes a eles imputados nos autos desta ação penal”, escreveu o juiz Frederico Viana.

Neste caso, Lula foi denunciado pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro. Há outra ação envolvendo o petista na Operação Zelotes que apura se houve irregularidades na compra de caças suecos durante o governo Dilma Rousseff. Neste processo o MPF ainda não apresentou as alegações finais.

– É mais uma decisão que reconhece que o ex-presidente Lula foi o indevidamente acusado, que ele não praticou qualquer crime. O Lawfare praticado contra Lula fica cada dia mais claro e confirma o que sempre dissemos – afirmou advogado do ex-presidente, Cristiano Zanin Martins.

Fonte: O Globo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here