Navios afundados da 2ª Guerra Mundial saem das profundezas do oceano

Eles foram usados na Batalha de Iwo Jima, episódio de combate da Segunda Guerra Mundial ocorrido em 1945 (ANNnewsCH/YouTube)

Fenômeno está relacionado à atividade de vulcões subaquáticos.

á pensou em encontrar navios da Segunda Guerra Mundial na praia? Isso é possível e, sim, aconteceu. E tudo porque dois vulcões subaquáticos entraram em erupção com pouco tempo de diferença.

Tudo começou porque, em agosto deste ano, o vulcão Fukutoku-Okanoba, que está localizado a cerca de 800 milhas ao sul de Tóquio, entrou em erupção, e fez com que uma ilha se erguesse sobre as ondas. Um dia depois, o vulcão Nishinoshima também começou sua atividade, pela primeira vez em um ano, intensificando esse movimento.

Para acompanhar os resultados disso, a publicação japonesa Asahi Shimbun enviou repórteres e especialistas para verificar o que estava acontecendo no local e, de surpresa, se deparou com os navios — que têm uma aparência bastante associada à ficção, de algo fantasmagórico.

De acordo com informações da Base Aérea de Kadena, base da Força Aérea dos Estados unidos no Japão, os navios permaneceram relativamente intactos porque foram feitos de concreto — já que o aço estava em falta devido ao uso na guerra. Eles foram usados na Batalha de Iwo Jima, episódio de combate da Segunda Guerra Mundial ocorrido em 1945. A Batalha de Iwo Jima durou 35 dias e foi uma das batalhas mais violentas da Guerra do Pacífico.

Ainda segundo o órgão, os navios foram afundados para construir um píer após a Segunda Guerra Mundial. A tese é corroborada pelo site de história Traces of War, que afirma que os 24 navios foram usados em uma tentativa malsucedida de criar um quebra-mar para ajudar a facilitar a chegada de suprimentos à ilha.

 

Fonte: Revista Exame

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here