Por que é importante ficar atento à alimentação das crianças?

Foto divulgação

Para as crianças com mais de dois anos, a recomendação é escolher um açúcar mais nutritivo; conheça quais.

O excesso de produtos industrializados e consumo exagerado de doces nos primeiros anos de vida pode favorecer o ganho de peso e comprometer o paladar, além de influenciar diretamente na capacidade de concentração das crianças. Essa habilidade é fundamental para a realização de diversas atividades durante o processo de aprendizagem, já que é preciso ter atenção para que aconteça o desenvolvimento.

O Ministério da Saúde disponibiliza uma cartilha alimentar completa, para crianças de até dois anos e a recomendação é não consumir açúcar refinado e alimentos quando preparados com o ingrediente. Levando em consideração a sugestão, fica a cargo dos pais observar a lista de produtos industrializados para identificar o açúcar refinado “embutido” na composição.

Para as crianças a partir de três anos, o conselho é escolher um açúcar mais nutritivo que não comprometa o pedalar em formação, como é o caso do melado, o açúcar mascavo e o demerara. Se o alimento escolhido tiver boas doses de fibras é melhor, porque ela é capaz de diminuir a absorção do produto no organismo.

Outra recomendação importante é ficar de olho na lista de ingredientes das bebidas prontas para o consumo. Muitas delas apresentam alta concentração de açúcar. É importante lembrar que quanto mais natural e com ingredientes reduzidos, melhor. Para que o cardápio seja ainda mais nutritivo, a ida ao mercado deve garantir a diversidade de frutas e verduras no cardápio infantil.

Produtos prontos para o consumo infantil.

A Tal da Castanha lançou no início deste ano uma nova bebida pensada para competir com as bebidas infantis disponíveis no mercado. O Mini vem em quatro sabores: chocolate, morango, baunilha e maçã com banana e é adoçado com açúcar demerara orgânico ao invés do refinado, que passa por processos químicos. A bebida contém até 60% menos açúcar em comparação com bebidas infantis tradicionais presentes no mercado.

O Mini também é livre de caseína, a proteína do leite que mais frequentemente provoca alergias. O produto pronto para consumo também é rico em gordura “do bem”, zinco, proteína, ferro e é enriquecida com fibras e cálcio, ajudando a suprir a necessidade deste nutriente tão fundamental para o desenvolvimento ósseo.

Sobre A Tal da Castanha: A Tal da Castanha é uma marca genuinamente brasileira que utiliza em sua composição apenas ingredientes de origem natural e vegetal. A marca combina excelência e inovação para trazer ao mercado brasileiro uma linha inédita de produtos que inclui bebidas vegetais, pastas e snacks. A filosofia da marca é pautada em pureza e simplicidade, quanto menos ingredientes, melhor. Líder no segmento, os produtos A Tal da Castanha são distribuídos nos melhores mercados do país. A Tal da Castanha é uma referência entre as marcas clean label do Brasil e faz parte da seleta lista de empresas B, um grupo global de organizações comprometidas com a geração de impacto positivo na sociedade e no meio ambiente.

 

Fonte:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here