Rompimento entre Roger e Lobão provocado por Bolsonaro

Foto reprodução

O músico ex-apoiador de Jair Bolsonaro disse se considerar “muito amigo” do líder da banda Ultraje a Rigor, e afirmou que ficou “absolutamente perplexo” com o fato de Roger continuar apoiando Bolsonaro.

O músico Lobão, ex- apoiador de Jair Bolsonaro, criticou nesta sexta-feira (28) o colega músico Roger, da banda Ultraje a Rigor, por seguir apoiando o governo de Jair Bolsonaro. 

Em entrevista ao site O Antagonista, o Lobão disse se considerar “muito amigo” de Roger e afirmou que ficou “absolutamente perplexo” com o fato dele continuar ao lado de Bolsonaro. 

“Não sei se ainda há tempo para ele. Está muito sério o nível de responsabilização. Eu comecei a reclamar (de Bolsonaro) em janeiro de 2019 e, em maio, eu saí. E comecei a ser um severo opositor. Já estamos em 2021 e nosso querido Roger continua. Não condiz com o seu talento e inteligência. Só peço a Deus que lhe dê um pouco de malandragem”, disse Lobão. 

Há um ano, Lobão concedeu entrevista à TV 247 e pediu a saída de Jair Bolsonaro da presidência. 

Fonte: Brasil 247

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here