SESAU e SESAB firmam parceria no combate à diabetes

Mais de 7 mil pacientes diabéticos de 16 municípios baianos participarão de um programa internacional desenvolvido pela Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), por meio do Centro de Diabetes e Endocrinologia do Estado da Bahia (Cedeba), em parceria com a Organização Pan-Americana de Saúde (Opas) e a World Diabetes Fundation (WDF). A iniciativa visa desenvolver ações de prevenção primária e evitar complicações macro vasculares até 2019, bem como qualificar mais de 800 profissionais de saúde.

O termo de compromisso para a implantação do programa, que terá um investimento de mais de R$1,5 milhão, foi assinado na tarde desta quarta-feira (22) e contou com a presença do secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, da diretora geral do Cedeba, Reine Chaves, e de representantes dos 16 municípios.

O secretário municipal de saúde, Rodrigo Matos, assinou o termo de compromisso que garante a participação de Alagoinhas na expansão do Projeto de Educação e Capacitação em Diabetes (Proced). O objetivo do projeto é aumentar o número de diagnósticos precoces de diabetes tipos 1 e 2 nos municípios participantes e qualificar o tratamento da doença.

Além de Alagoinhas, outras 15 cidades baianas participam da segunda edição. As capacitações de profissionais acontecem em Salvador, a partir do mês de julho.

Matos destacou a importância do programa para o município. “Não só o paciente com diabetes passará a ter um atendimento mais especializado, como a diminuição no número de internações por conta de complicações da doença e de prescrições médicas inadequadas desonera o município, gerando economia do dinheiro público”, declarou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here